COMPARTILHE clicando em SHARE

Mostrando postagens com marcador Violência. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Violência. Mostrar todas as postagens

20131128

Navio da Morte


Pois o salário do pecado é a morte, mas o presente gratuito de Deus é a vida eterna. Romanos 6:23

 

Nossa viagem de hoje aconteceu há exatamente 232 anos. Em 1781, a escravidão era uma infâmia humana regendo nosso mundo. Naquele século, 23 milhões de africanos foram brutalmente arrancados de suas terras natais e transportados cruelmente até as Américas. A viagem acontecia nos terríveis navios negreiros que infringiam sofrimentos desumanos sobre aquelas pessoas. As condições de higiene, alimentação e saúde eram miseráveis, matando vários escravos. Era uma viagem assombrosa em que só os mais fortes e resistentes sobreviviam.

20130925

O desrespeito das novelas

Como se já não fosse irritante ouvir pessoas repetindo a exaustão bordões copiados de novelas, ainda temos que aturar verdadeiros desrespeitos gratuitos de personagens dos folhetins. Soa até estranho numa época em que tanto se fala em respeito e em que as novelas são usadas para, por exemplo, promover os direitos dos homossexuais. Na novela “Amor à Vida”, de Walcyr Carrasco, o personagem Félix se tornou notório por seus bordões blasfemos, do tipo: “Salguei a Santa Ceia”, “Eu devo ter colado chiclete na Santa Cruz”, “Eu dancei pole dance na cruz!”, “Só posso ter assuado o nariz no Santo Sudário para merecer isso...”.

20130505

PARA A VIDA OU PARA A MORTE





O justo serve de guia para o seu companheiro, mas o caminho dos perversos os faz errar. Prov. 12:26.

A história de Dilma é escabrosa. Foi presa, acusada de contaminar com o vírus HIV um número enorme de pessoas. Confrontada pela justiça, disse que depois de ter sido sempre fiel a seu esposo e ter sido contaminada por ele, saía todos os dias para se vingar dos homens. Ela se relacionava de propósito com todos os que se aproximavam dela. “Queria levar para a morte o maior número de homens”, disse, sem sinal de arrependimento. Dilma não teve tempo de ser julgada. Morreu pouco tempo depois de ser presa.

O caso de Dilma horrorizou a opinião pública. Muita gente dizia entender por que ela havia agido desse modo. Uma pessoa em desespero chega ao limite da irracionalidade. No entanto, o texto de hoje fala do perverso que, sem aparente justificativa, leva o maior número de pessoas para o caminho do mal.

20130312

O Trabalho Liberta


Felizes as pessoas que têm misericórdia dos outros, pois Deus terá misericórdia delas. Mateus 5:7

Assombrosamente desumano. Palavras não bastam para explicar a viagem de hoje. Uma solitária ferrovia adentra pelos portões de uma estação. Um letreiro de ferro, em alemão, anuncia: “O trabalho liberta”. Ali chegariam passageiros desinformados sobre a verdadeira razão daquela parada. Não se tratava de um destino qualquer, mas do fim cruel de suas próprias vidas.

Auschwitz. Este foi o nome perverso do acampamento mais macabro que a mente humana construiu. Materializando a face do mal, na Segunda Guerra Mundial, os nazistas levantaram enormes campos de concentração com um objetivo: exterminar judeus e dissidentes do sistema. Dentre esses campos de extermínio, Auschwitz foi o pior.

20121028

É aconselhável para um Cristão praticar capoeira?

Deus quer que seus filhos sejam felizes e saudáveis; sendo assim, o esporte é importante para que este plano de Deus realize-se em nossa vida.


Além de avaliar o tipo de benefício 
físico e mental que o esporte irá nos proporcionar, precisamos também avaliar seu benefício ‘espiritual’.

A capoeira é baseada em ensinamentos do candomblé. Sabemos que esta ‘crença’ pratica feitiçarias e crê na existência dos espíritos, entre eles os exus, coisas abomináveis a Deus. (Deuteronômio 18:11 a 14; Levítico 20:6 e 27). Os exus são espíritos malignos que causam mal às pessoas (assim como todos os outros).Analise um fato importante: Você já notou que a maioria das escolas de capoeira tem seus nomes iniciados com o nome exu? Isto indica que tal esporte é baseado em crendices espiritualistas. Também passa a mensagem acerca da luta (violência).

20120714

O fracasso de justificar os erros


Sei que esse já é um assunto antigo para hoje, mas ao ouvir a reflexão sobre nossos valores feita pela jornalista Fabiana Bertotti, pensei ser interessante que você também refletisse sobre isso. 




Eis a moda do momento: UFC e MMA que pelo que entendi é uma espécie de quase vale-tudo onde a graça é deixar o oponente no chão, de preferência inconsciente. Atores, artistas, intelectuais e – pasme! – cristãos comentando, torcendo, perdendo o sono para ver as tais lutas, como se fosse de fato um esporte.

Agora, outro caso que está em evidência é sobre o casal, moradores de rua em SP que encontraram 20 mil reais, levaram pra polícia e esta devolveu aos donos. Tá, mas o que esses dois fatos querem nos dizer?

Ouça aqui comentário da jornalista Fabiana Bertotti:

20120713

Cantor fala como escapou de assalto

O cantor Társis Iraídes narrou pra gente um fato que é uma Nova Chance e um milagre que ele viveu. Acompanhe o relato e faça seus comentários.

Quando eu era pequeno, ficava com muito medo de passar num bairro vizinho ao meu. Era lá onde estavam os piores marginais da cidade. Depois de uma certa hora da noite não era seguro transitar ali. Hoje, na maioria das cidades, qualquer hora do dia é hora de medo e pavor.

Nunca imaginei que, anos mais tarde, teria o dissabor de ser abordado por dois assaltantes num dia tranquilo em minha casa. Eu havia chegado de

MMA e UFC. Como Deus vê?


Quando duas pessoas se digladiam violentamente em um ringue elas estão refletindo a imagem de quem? Eventos como UFC (Ultimate Fighting Championship) que reúne praticantes do MMA (Mixed Martial Arts) e lutas envolvendo box, jiu-jítsu, muay thay, judô, caratê e luta livre exaltam o amor ao próximo?

Artes marciaisA maior batalha é na mente.


Socos, chutes, pontapés, caneladas, golpes diversos e sangue diante de um público que parece ter prazer ao ver o sofrimento alheio. Juízes e comissários pontuam os golpes, tudo é feito por dinheiro e “espectáculo”.

20120709

“Basta um olhar sensível”

De acordo com o Conselho Nacional dos Direitos 

da Criança e do Adolescente, Conanda, cerca de 
6,5 milhões de crianças sofrem algum tipo de 
violência doméstica no país e necessitam do olhar 
atento de seus professores.
Foto: Rômulo Prestes
João tem oito anos de idade e está no terceiro ano do ensino fundamental. Ele sempre foi um aluno dedicado, um bom amigo e demonstrava muito respeito por sua professora. No entanto, em algumas semanas isso mudou. Ele passou a agir de maneira agressiva com seus colegas e de forma violenta com a professora. Além disso, não tirava seu casaco, mesmo que a temperatura estivesse bem quente. Essa situação é apenas ilustrativa, mas mostra características de uma criança que sofreu agressão. De acordo com o Conselho Nacional dos Direitos da Criança e

Panis et circensis, o retorno à barbárie

Um público berrando e torcendo para um ser 
humano cair ensanguentado
Eu devia ter uns 10 anos quando ouvi pela primeira vez a expressão “panis et circenses”. Era uma aula de história em que fiquei sabendo dos horrores da carnificina promovida por imperadores romanos para distrair o povo, o famoso pão e circo. Na minha cabecinha ficou a associação entre violência gratuita e pessoas degeneradas moralmente, coisa de muito antigamente.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...