COMPARTILHE clicando em SHARE

Mostrando postagens com marcador Páscoa. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Páscoa. Mostrar todas as postagens

20131108

Leonardo Gonçalves - Getsêmani



Getsêmani
Leonardo Gonçalves
Compositor: Cleiton Schaefer


No getsêmani foi que meu Jesus orou,
Se entregando ao Pai mais uma vez.
Logo vieram pessoas para O levar,
Para a maior das provações.

20130530

O sangue nas ombreiras

Play



Tomai um molho de hissopo, molhai-o no sangue que estiver na bacia e marcai a verga da porta e suas ombreiras com o sangue. Êxodo 12:22

As regras que Moisés deu com relação à Páscoa são plenas de significado e têm aplicação a pais e filhos nesta era do mundo. [...]

O pai deve dedicar todo membro da família a Deus e fazer a obra que é representada pela festa da Páscoa. É perigoso depor esse solene encargo nas mãos de outros. Esse perigo é ilustrado por um incidente registrado a respeito de uma família hebreia na noite da Páscoa.

Segundo a lenda, a filha mais velha estava doente, mas estava ciente do fato de que um cordeiro deveria ser escolhido pela família e que seu sangue deveria ser aspergido nos umbrais da porta, para que, ao ver as marcas de sangue, o Senhor não permitisse a entrada do destruidor para ferir de morte o primogênito. Com grande ansiedade, observou o entardecer, ocasião em que o anjo destruidor passaria. Ficou muito impaciente. Chamou o pai ao seu lado e perguntou: “O senhor marcou os umbrais da porta com sangue?” Ele respondeu: “Sim, dei instruções específicas sobre esse assunto. Não se preocupe. O anjo destruidor não entrará aqui.”

20130331

Páscoa, coelho, ovos e tradição de comer peixes






Qual é a origem e significado da Páscoa?
Como surgiu a ideia do coelho e ovos de chocolate?
E por que na sexta-feira dizem que não se deve comer outras carnes, e sim o peixe?




A páscoa pode cair em qualquer domingo entre 22 de março e 25 de abril. Tem sido modernamente celebrada com ovos e coelhos de chocolate com muita alegria. O moderno ovo de páscoa apareceu por volta de 1828, quando a indústria de chocolate começou a desenvolver-se. Ovos gigantescos, super decorados, era a moda das décadas de 1920 e 1930. Porém, o maior ovo e o mais pesado que a história registra, ficou pronto no dia 9 de abril de 1992. É da Cidade de Vitória na Austrália. Tinha 7 metros e dez centímetros de altura e pesava 4 toneladas e 760 quilos. 


Mas o que é que tem a ver ovos e coelhos com a morte e ressurreição de Cristo?

20120408

E a Pedro

Vão e digam aos discípulos dEle e a Pedro: Ele está indo adiante de vocês para a Galileia. Lá vocês O verão, como Ele lhes disse. Marcos 16:7


Oh, a bondade de Jesus! Naquela manhã de Páscoa, logo depois de ter ressuscitado dentre os mortos, Ele enviou um anjo para falar com Maria Madalena e com as outras mulheres que haviam ido ao sepulcro. Ao contar-lhes as boas-novas da ressurreição, o anjo destacou Pedro. “Digam aos discípulos”, o anjo instruiu, “e certifiquem-se de avisar a Pedro também.”

Na terrível madrugada de sexta-feira, ocasião em que Jesus estava sendo julgado injustamente, Pedro foi reprovado no teste. Mentiu à criada que o reconheceu; esquivou-se em admitir sua ligação com o Mestre. Por meio de juramentos e linguagem vulgar, Pedro negou seu Senhor. Perdeu o direito de estar entre os apóstolos e deixou sua costumeira posição de líder.

Naquele momento, Jesus Se voltou e olhou para Pedro. Seu olhar não era de condenação, mas de tristeza; não era de raiva, mas de amor. Aquele olhar derreteu o coração de Pedro. Ele saiu às pressas do pátio para a escuridão da noite em meio a lágrimas amargas.

O sábado que se seguiu deve ter sido o pior da vida de Pedro. Jesus estava morto. A esperança de um reino terreno estava arruinada. Sua autoconfiança estava despedaçada. Os outros discípulos não mais confiavam nele.

Somos como Pedro. Temos abandonado Jesus em Seu momento de maior necessidade. Esquivamo-nos em reconhecê-Lo diante da multidão acusadora. Negamos o Senhor em quem professamos crer.

Mas Jesus olha para nós com tristeza e amor. Esse amor derrete nosso coração e faz com que sintamos vontade de sair correndo em meio à escuridão da noite. Em busca de uma centelha de esperança, ficamos pensando no que vem pela frente.

Então, Jesus envia uma mensagem para nós. Ele nos chama pelo nome, nos inclui nas boas-novas que transmite a outras pessoas. “Digam a Pedro”, Ele ordena.

“Digam a Luís, Carlos e Antônio; digam a Maria, Marta e Vívian. Digam-lhes que estou vivo para sempre e que não os condeno por seus pecados. Digam que Eu sou o Senhor da nova esperança e do novo começo. Digam-lhes que eles podem ter uma segunda chance; que, apesar de terem Me abandonado, Eu nunca os abandonarei.”

De maneira bondosa e amável, Jesus nos convida a voltar para Ele. De maneira bondosa e amável, Ele nos guia pelo mesmo caminho para que possamos aprender a descansar em Seus braços poderosos e, assim, vencer.


Fonte: Meditações Diárias

Para ouvir esta mensagem complementada com um louvor clique aqui.

20120405

Páscoa: Coelho ou Cordeiro





A Páscoa é uma celebração de origem divina e seu caráter é essencialmente bíblico e religioso


Nas últimas décadas, a humanidade, influenciada pela força do capitalismo a transformou em fonte de lucro e de consumo, deturpando radicalmente seu sentido cristão.

Por acreditarem que o ovo simbolizava o nascimento, os antigos egípcios e persas costumavam pintar ovos com cores da primavera e presentear aos amigos. Os primeiros a darem ovos coloridos na Páscoa, simbolizando a ressurreição, foram os primitivos cristãos do Oriente e da Europa.
Os ovos não eram comestíveis, como se conhece hoje. Era apenas um presente original simbolizando a ressurreição como o início de uma nova vida. Os ovos de chocolate como conhecemos hoje, surgiram no século 20.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...