COMPARTILHE clicando em SHARE

Mostrando postagens com marcador Finanças. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Finanças. Mostrar todas as postagens

20140411

A pergunta mais importante

Play


Qual a pergunta mais importante que você já fez? Ao ser interrogado sobre a sua mais importante pergunta, um escritor respondeu que tinha a ver com sua responsabilidade diante de Deus. Mas eu me lembro de ocasiões em minha vida em que a pergunta mais importante era: “Onde vou conseguir dinheiro para comprar um sorvete?”

Talvez você também tenha experimentado isso.

20131116

Parábola do Rico Insensato



Então lhes disse: "Cuidado! Fiquem de sobreaviso contra todo tipo de ganância; a vida de um homem não consiste na quantidade dos seus bens".
Então lhes contou esta parábola: "A terra de certo homem rico produziu muito bem.

20131022

PAPAI MANDOU CONSTRUIR UMA FORCA PARA MIM

Havia um homem muito rico que possuía muitos bens, uma grande fazenda, muito gado e vários empregados a seu serviço.

Tinha ele um único filho, um único herdeiro, que, ao contrário do pai, não gostava de trabalhar, nem de compromissos. O que ele mais gostava era de festas, estar com seus amigos e de ser bajulado por eles.

Seu pai sempre o advertia que seus amigos só estariam ao seu lado enquanto ele tivesse o que lhes oferecer, depois o abandonariam. Os insistentes conselhos do pai retiniam-lhes nos ouvidos e ele logo se ausentava sem dar o mínimo de atenção.

20131014

O idoso e o baú

Um senhor idoso, que era viúvo e que vivia sozinho, mesmo tendo trabalhado muito durante sua vida, agora já não podia trabalhar mais e o dinheiro estava acabando. Seus três filhos, já casados, estavam ocupados demais com suas famílias e quase não tinham tempo para visitá-lo. Sentia-se cada vez mais fraco e as visitas dos filhos eram cada vez mais espaçadas. “Eles não querem que eu me converta num peso para eles” – pensava.

Certa noite, preocupado pelo seu futuro, teve uma ideia. Na manhã seguinte chamou um amigo carpinteiro, e pediu-lhe que lhe fizesse um baú imitando os antigos baús de tesouro, com uma fechadura também de estilo antigo. Depois foi visitar outro velho amigo que era vidraceiro e lhe pediu todos os pedaços de vidro que não lhe servissem. O ancião quebrou mais ainda os pedaços de vidro, encheu o baú com eles, fechou-o e o colocou no fundo do armário da cozinha onde guardava pratos, talheres, etc…

Um dia, em que seus filhos vieram jantar com ele, quando o ajudavam a pôr a mesa, descobriram o baú e lhe perguntaram:
- O que há neste baú?
- Nada – respondeu. – Apenas umas coisinhas que andei economizando…
Depois da janta, ao ajudarem o pai a recolher a mesa, perceberam que o baú era muito pesado e que ao mexer com ele se ouvia um barulhinho como de moedas.
- Deve estar cheio de moedas que foi economizando durante muitos anos – murmuraram entre si.

Decidiram, então, que deveriam vigiar aquele baú e para isso se organizaram para que cada semana um dos irmãos fosse ficar com o pai, dessa maneira também poderiam cuidar dele. Na primeira semana ficou com ele o filho mais novo, na semana seguinte foi a vez do filho do meio e assim por diante, continuando assim por bastante tempo.

Finalmente, o pai adoeceu gravemente e morreu. Os filhos organizaram um belo enterro, pois sabiam que os esperava uma fortuna no baú do armário da cozinha, que compensaria todo aquele gasto.

Depois do enterro, os três irmãos procuram por toda a casa, a chave do baú e quando a acharam, abriram-no e descobriram que estava cheio de cacos de vidro.
- Que trapaça tão feia! – exclamou o filho mais velho.
- Eu não diria que foi tão feia assim, mas, ao contrário, uma bela trapaça – corrigiu o segundo filho. – Francamente, se não tivesse feito isso, não teríamos cuidado dele até o fim de sua vida, como fizemos…

O filho mais novo sentia-se muito triste:
- Estou envergonhado – disse. – Obrigamos nosso pai a fazer essa trapaça, porque não o tratamos como ele nos ensinou quando ainda éramos crianças…

Então, o filho mais velho esvaziou o baú no chão, para ter certeza de que não continha nenhum objeto de valor. Mas, no fundo do baú havia uma mensagem:
"Quinto mandamento: Honra a teu pai e a tua mãe. Êxodo 20;12" 

(Desconheço a autoria)

20131009

Avenida Dourada


Porém Deus prometeu, e nós estamos esperando um novo céu e uma nova terra. 2 Pedro 3:13

Ela é considerada a rua mais bonita do planeta. Morar lá, num cubículo de dois pequenos quartinhos, custa o aluguel de 1,5 milhão de dólares por ano. Seus quase dois quilômetros de extensão atraem admiradores do mundo inteiro. Afinal, quem não gostaria de passear pela avenida mais charmosa da Europa?

A RIQUEZA É COROA PARA OS SÁBIOS


Aos sábios a riqueza é coroa, mas a estultícia dos insensatos não passa de estultícia. Prov. 14:24.

 

Há dois caminhos e dois destinos: o céu ou o inferno, a felicidade ou a desgraça, a riqueza ou a pobreza. Você é a única pessoa que pode escolher por si. O resultado de sua escolha será vida ou morte.

O livro de Provérbios dá a impressão de ser repetitivo. As palavras “sabedoria” e “insensatez” são as que mais se repetem. O destino final dos sábios é prosperidade e glória. O fim dos insensatos é vergonha e tristeza.

20131001

FARTAR-SE DO PRÓPRIO PÃO


Não ames o sono, para que não empobreças; abre os olhos e te fartarás do teu próprio pão. Prov. 20:13.

É bom dormir depois de um dia de trabalho produtivo. O sono é o instrumento divino para a renovação das energias. Um homem normal precisa dormir oito horas por dia. Se ele viver 75 anos, terá dormido 25 anos. O que você faria com esse tempo ao seu dispor?

O conselho de hoje não é contra o sono, mas contra a preguiça. A Bíblia, e especialmente o livro de Provérbios, está repleta de advertências sobre o perigo de dormir quando é hora de trabalhar. O trabalho é o canal através do qual Deus quer derramar Suas bênçãos para o ser humano.

20130623

Não roube a Deus

Play



Vós Me roubais e dizeis: Em que Te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas. Malaquias 3:8

Você roubaria a Deus? A Bíblia fala sobre isso como se fosse impossível que alguém se arriscasse a fazer tal coisa. “Todavia, vós Me roubais.” [...]

O Senhor viu como seria o mundo quando estivesse repleto de habitantes, e por essa razão fez uma aliança com Seu povo para que Lhe devolvam os dízimos e as ofertas, segundo a ordem que Ele deu. Isso Lhe pertence. Não pertence a nenhum de nós. Deus fez esse acordo com você, para que você possa demonstrar que entende sua dependência e a responsabilidade para com Ele ao devolver a porção dEle. Ao fazer isso, a bênção divina será derramada sobre você. Tudo o que temos pertence ao Senhor e nos foi confiado como administradores Seus. Para que possamos devolver-Lhe, Ele precisa primeiro nos dar. […]

20130619

O RESULTADO DA SOBERBA





Em vindo a soberba, sobrevém a desonra, mas com os humildes está a sabedoria. Prov. 11:2.

O primeiro balanço da empresa foi extraordinário. O sol parecia brilhar na vida de Júlio César. Tinha reunido dinheiro emprestado. Vários amigos lhe estenderam a mão só para ajudá-lo. Não acreditavam que o empreendimento daria certo. Mas deu. Em poucos meses, as portas se abriram e as oportunidades apareceram. De repente, Júlio César percebeu que estava rico, e aí começaram seus verdadeiros problemas.

Magoou amigos, brigou com as pessoas que lhe emprestaram o dinheiro, humilhou, ofendeu e maltratou gente inocente. Ninguém o conhecia mais. Houve uma mudança completa na sua maneira de ser. Orgulhoso, prepotente e vaidoso, achava-se o rei do mundo e esqueceu que um dia fora uma pessoa simples, pobre e humilde.

20130614

Princípios nos negócios

Play



Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Que daria um homem em troca de sua alma? Marcos 8:36, 37

É o dever dos seguidores de Cristo reconhecer sua dependência de Deus em tudo e seguir os princípios de sua fé em todas as relações da vida, incluindo as transações comerciais. De outra forma, não podem representar corretamente a religião de Cristo. Devem ser honestos com Deus, como também com o próximo. Pode alguém ser desonesto com Deus? Leia a resposta do profeta: “Roubará o homem a Deus? Todavia, vós Me roubais” (Ml 3:8).

20130607

OS PERIGOS DO CRÉDITO





Quem fica por fiador de outrem sofrerá males, mas o que foge de o ser estará seguro. Prov. 11:15.

A palavra original hebraica que se traduz por “outrem”, no texto de hoje, significa literalmente “estranho”, alguém que você não conhece ou conhece pouco. Não é prudente ser fiador de um desconhecido, embora muitas vezes você só conheça realmente uma pessoa quando lhe dá dinheiro ou poder.

Existe algo fascinante, misterioso e ofuscante com o dinheiro. Ele cega, confunde e corrompe muita gente. Amizades foram desfeitas, famílias destruídas e relacionamentos rompidos porque alguém foi avalista de uma pessoa que dizia ser amiga.

O texto de hoje não tem que ver simplesmente com o ato de ser fiador de outro. O tema de fundo é o mau uso do crédito. Não existe base bíblica para afirmar que o uso do crédito seja errado, mas existem abundantes conselhos sobre o sábio uso do dinheiro. Quando você pede dinheiro emprestado, se coloca numa situação de dependência que não é saudável.

20130521

A Verdadeira Riqueza


Um dia um pai de família rica levou seu filho em uma viagem, com a finalidade de mostrar ao seu filho como as pessoas pobres vivem, para que ele pudesse ser grato por sua riqueza.

Passaram alguns dias e noites na fazenda do que seria considerado uma família muito pobre. Em seu retorno da viagem, o pai perguntou ao filho:
- Como foi a viagem?
- Foi ótima, papai.
- Você viu como as pessoas pobres podem ser? - Perguntou o pai.
- Oh, sim! - Disse o filho.

20130410

O homem rico

Play




O campo de um homem rico produziu com abundância. E arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei, pois não tenho onde recolher os meus frutos? Lucas 12:16, 17

Esse homem recebera tudo de Deus. Ao sol fora permitido brilhar sobre sua propriedade, pois seus raios caem sobre justos e injustos. A chuva desce do céu do mesmo modo sobre maus e bons. O Senhor fizera que a vegetação florescesse e os campos produzissem abundantemente. O rico estava em perplexidade sobre o que devia fazer com a colheita. Considerava-se mais favorecido do que os outros homens e tomou para si o crédito por sua sabedoria. Possuía grande riqueza e não podia reprovar a si mesmo pelos pecados de que muitos eram culpados. Havia conquistado seus bens, não por meio de jogos de azar, tampouco por tirar vantagem do infortúnio de outros que se envolveram em problemas financeiros e foram obrigados a vender suas propriedades por valor inferior; mas conquistou sua riqueza pela providência de Deus em fazer com que sua terra produzisse em abundância. O homem rico revelou seu egoísmo e manifestou algo que ainda não tinha suspeitado fizesse parte de seu caráter.

20130408

RIQUEZAS...





As riquezas de nada aproveitam no dia da ira, mas a justiça livra da morte. Prov. 11:4.

A expressão “o dia da ira” é mencionada muitas vezes na Bíblia. Refere-se ao dia final da história deste mundo. Ao acerto de contas do qual nenhum ser humano poderá fugir. Se o Universo teve um começo, é lógico que terá um fim.

Certo dia conversei com um grupo de adolescentes que usava folhas da Bíblia para embrulhar maconha. O líder me disse com soberba: “A vida é minha e eu faço o que quero com a minha vida.” Era verdade apenas em parte. Ele podia fazer o que desejasse com a vida, mas que a vida fosse dele era mentira.

20130330

O privilégio de doar

Play



Servi uns aos outros, cada um conforme o dom que recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus. 1 Pedro 4:10

Deus abençoa a terra com o brilho do sol e com a chuva. Faz com que a terra produza seus abundantes tesouros para o uso do homem. Deus fez o ser humano Seu administrador para dispensar as dádivas celestiais levando pessoas à verdade. Meus irmãos da América do Norte [escrito da Austrália, em 1895] perguntarão como os alcançou a preciosa salvadora verdade, quando estavam em trevas? Homens e mulheres levaram seus dízimos e ofertas a Deus e, ao encherem de meios o tesouro, homens foram enviados para levar avante a obra. Esse mesmo processo deve ser repetido, a fim de ser alcançadas hoje as pessoas que estão em trevas. [...]

20130329

Campos missionários

Play



Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os. Mateus 28:19

Nossas igrejas frequentemente recebem o pedido de doações e ofertas para ajudar projetos missionários no próprio campo ou sustentar o trabalho missionário em campos estrangeiros. [...] De cada igreja devem subir a Deus orações pelo aumento de devoção e liberalidade. Aqueles cujo coração está unido ao coração de Cristo se alegrarão em fazer o que puderem a fim de ajudar a causa de Deus. Eles se alegrarão na contínua expansão e avanço, o que requer ofertas maiores e mais frequentes.

20130325

Deus e o dinheiro

Play




Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom. Mateus 6:24

Satanás apresenta hoje as mesmas tentações que apresentou a Adão e a Jesus, o segundo Adão, que venceu o inimigo e possibilitou que o ser humano vencesse. [...] São os nossos esforços somados ao poder de Cristo que nos farão vencedores. [...]

O Céu inteiro observa com interesse para ver que uso estamos fazendo dos talentos que nos foram confiados por Deus. Se desejamos acumular tesouros no Céu, usaremos os bens do Senhor para o avanço de Sua causa, para a salvação de nossos semelhantes e para abençoar a humanidade. Tudo o que for assim usado, o Senhor depositará em nossa conta no banco que nunca falha. Quando amamos a Deus de todo o coração, os bens não são um impedimento para o progresso na luta cristã, pois as pessoas consagradas discernirão os melhores investimentos a serem feitos e usarão sua riqueza para abençoar os filhos de Deus.

20130314

Exemplo de liberalidade

Play




Aquele que semeia pouco pouco também ceifará; e o que semeia com fartura com abundância também ceifará. 2 Coríntios 9:6


A liberalidade é uma das indicações do Espírito Santo, e quando o professo povo de Deus retém do Senhor o que Lhe pertence em dízimos e ofertas, sofre perda espiritual. [...] Seria melhor não dar absolutamente nada do que dar de má vontade, pois, se dermos de nossos meios quando não temos o espírito de dar liberalmente, zombamos de Deus. Tenhamos sempre em mente que estamos lidando com Alguém de quem dependemos em cada bênção. Alguém que lê toda intenção do coração, cada propósito da mente.

20130307

O que Deus aprecia

Play




A quem dá liberalmente, ainda se lhe acrescenta mais e mais; ao que retém mais do que é justo, ser-lhe-á em pura perda. Provérbios 11:24

A experiência mostra que, entre os de recursos limitados, com maior frequência se encontra o espírito de beneficência do que entre os ricos. As mais liberais doações para a causa de Deus ou para socorro aos necessitados provêm da bolsa do pobre, enquanto muitos a quem o Senhor confiou em abundância para esse mesmo propósito não veem necessidade de meios para o avanço da verdade e não ouvem o clamor dos pobres que estão entre eles. [...]

Fruto da abnegação, a dádiva do homem pobre para difundir a preciosa luz da verdade é como um perfumado incenso diante de Deus. Todo ato de sacrifício próprio para o bem dos outros fortalecerá o espírito de beneficência no coração do doador, ligando-o cada vez mais ao Redentor do mundo, que é rico, mas, por amor de nós, Se fez pobre, para que pela Sua pobreza enriquecêssemos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...