COMPARTILHE clicando em SHARE

20121003

Dentro da madeira






Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. 2 Timóteo 2:15

Era outubro, e passávamos o fim de semana num retiro. No sábado de manhã, durante o culto, fomos instruídos a formar uma dupla com alguém que não conhecíamos, descobrir o que fosse possível a respeito da pessoa e depois apresentá-la ao restante do grupo. Ao terminar essa dinâmica, devíamos sair para um passeio na natureza com nosso novo amigo. Mas tínhamos uma tarefa: juntar objetos para trazer e partilhar com o restante do grupo.


Muitos pares de novos amigos saíram para o passeio, e um deles voltou trazendo uma peça de madeira que abrigava abelhas dentro. A colmeia permanecia intacta, e as abelhas, impassíveis. Aqueles que mostraram a peça de madeira explicaram o relacionamento da madeira e das abelhas com a natureza. Ficamos muito impressionados com o fato de que essa dupla foi capaz de fazer tantos comentários, e sua “descoberta” incluía abelhas que, aparentemente, hibernavam dentro da madeira.


Depois das apresentações, passamos para as atividades restantes do dia. Todos os objetos permaneceram no local das reuniões principais. E, quando a temperatura dentro do salão subiu, para nossa surpresa – e consternação – as abelhas se aqueceram, acordaram e saíram da madeira, voando pelo salão. Saímos correndo para nos proteger, enquanto a madeira foi levada para fora. Para a nossa segurança, infelizmente as abelhas foram destruídas.

A lição que aprendi das abelhas adormecidas foi que, trazidas para dentro do salão, elas estavam fora de seu habitat. Aqueceram-se, despertaram, ficaram confusas e, aparentemente, não sabiam onde estavam. Não nos confundamos nestes últimos dias da história terrestre. Os acontecimentos se desdobram, as profecias se cumprem e muitos adormecem enquanto aguardam a vinda de Jesus. Lembremo-nos das palavras de Paulo, em 2 Timóteo 3:1: “Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis.” 
Ele também disse: “Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado; mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus” (Filipenses 3:13, 14).

Isso proporciona uma direção para o futuro! (Bessie Haynes in Meditação da Mulher)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...